Intradermoterapia capilar


Em um filme de ficção científica da década de 80, quando as pessoas ficavam doentes, ao invés de irem para o hospital, recebiam em casa a visita de um médico. O problema de saúde poderia ser dos mais variados tipos, desde uma simples gripe até uma infecciosa tuberculose ou um mortal câncer.O doutor chegava à casa da pessoa, tirava da maleta uma espécie de seringa, abria outro compartimento da maleta e escolhia um dos milhares de frascos coloridos e pequenos que estavam ali. Essa etapa demorava alguns minutos, porque eram muitas as opções, com nomes complicados no rótulo, que poderiam levar o paciente à morte se o escolhido fosse o errado.Passado esses minutos de tensão, o médico finalmente escolhia o frasco e colocava-o dentro do objeto que se parecia com uma seringa. Então, segurava a pele do paciente, em uma espécie de beliscão, e aplicava debaixo da pele dele todo o conteúdo que estava dentro do frasco, de uma só vez. A diferença para a vacina é que o remédio não era líquido, e sim em formato de pequenas cápsulas, que faziam um barulho quando eram expelidas para fora da seringa. Mas como a arte imita a vida, e vice-versa, esse tipo de procedimento não é mais encontrado apenas em filmes, com a ressalva de um ou outro detalhe diferente.

E aqui chegamos ao ponto que gostaríamos de falar desde o início, que é a Intradermoterapia Capilar. Esse procedimento se assemelha muito ao que descrevemos acima, conforme a cena do filme de ficção científica. Mas, como se trata de vida real, o procedimento é mais simples. Para que você entenda, a Intradermoterapia Capilar é uma técnica que consiste na aplicação de substâncias medicamentosas debaixo da pele ou de algum tecido.

E qual a diferença entre ingerir um remédio oralmente e aplicar esse remédio debaixo da pele? A diferença é que colocando o remédio debaixo da pele você estimula uma resposta local, ou seja: com uma alta concentração de um medicamento em determinado lugar, o corpo reage mais rapidamente.

E para que a Intradermoterapia Capilar serve? Bem, você já conhece o que a técnica de Intradermoterapia faz e você também sabe que a palavra Capilar se refere a cabelos ou pelos. Então, podemos concluir, logicamente, que essa é uma técnica que atua para ajudar a diminuição da calvície.

Durante o tratamento da Intradermoterapia Capilar são feitas aplicações de doses com conteúdo diversos. Elas podem conter substâncias que diminuem a oleosidade do couro cabeludo, substâncias que ajudam a melhorar a circulação sanguínea do local, aminoácidos, vitaminas, e – claro – substâncias específicas para o aumento do crescimento de cabelos no local.

Por último, lembre-se: antes de tentar a Intradermoterapia Capilar consulte um médico dermatologista e verifique qual é o melhor tratamento para o seu caso.

Rafaela Salvato Dermatologia, Clínica de dermatologia em Florianópolis SC. Intradermoterapia capilar

X

Dra. Rafaela Salvato

Dermatologista em Florianópolis

Filiada ao Conselho Regional de Medicina do Estado de Santa Catarina CREMESC sob n° 14.282, ao Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo CREMESP sob o n° 133.312 e registro de especialista (RQE) sob n° 10.934.

Especialização em Laser e procedimentos estéticos pela Harvard Medical School, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos da América, sob supervisão do Prof. Dr. Richard Rox Anderson...

Saiba mais

Clínica

Dermatologista em Florianópolis

Dermatologia Estética
Dermatologia Clínica
Laser

(48) 3225-4033

VISITE O SITE

Av Trompowsky, 291 Salas 403 e 404 – Torre 1
Medical Tower – Trompowsky Corporate
Centro – Florianópolis
Santa Catarina – Brasil